Frida Kahlo
FICA A DICA

Frida Kahlo e sua incrível história de vida

Todo mundo ama as obras de Frida Kahlo, mas você conhece a surpreendente história dessa guerreira?

Então, aqui vai um breve relato de sua vida que vai fazer você se apaixonar ainda mais por ela:

Magdalena Carmen Frida Kahlo y Calderón, é assim que se chamava a maior pintora mexicana de todos os tempos: Frida Kahlo. A artista teve uma vida marcada por sofrimentos, como muitos problemas de saúde e um casamento tumultuado e instável com Diego Rivera (um dos maiores artistas plásticos mexicano) e costumava retratar nas telas os problemas do seu cotidiano através de cores vivas e fortes.

Frida Kahlo
Frida Kahlo com Diego Rivera

Tinha por hábito pintar muitos autorretratos para que o observador partilhasse de sua dor e os traumas pelos quais havia passado. É considerada por alguns especialistas em artes plásticas, uma artista que fez parte do Surrealismo e destacou-se ao defender o resgate à cultura dos astecas como forma de oposição ao sistema imperialista cultural europeu.

Frida Kahlo
Autorretrato com Colar de Espinhos e Beija-Flor

Frida Kahlo se tornou o símbolo da força e independência feminina por estar sempre à frente do seu tempo, por isso a artista é tão popular e querida entre as mulheres. Teve grande influência para a moda porque não se submeteu aos padrões de beleza hollywoodiano de sua época, impondo à sociedade seu próprio estilo. A sobrancelha unida e o buço eram suas características marcantes e a tornaram um personagem único. Adotou saias longas tipo tehuana (muito colorida e cheia de flores) como alternativa para esconder que uma perna era mais curta que a outra (devido uma sequela da poliomielite que teve na infância) e as combinavam com coletes de gesso que precisava usar por causa dos problemas de coluna causados por um terrível acidente sofrido que a deixou muitos meses entre a vida e a morte no hospital.

Frida Kahlo
Frida Kahlo e suas saias sempre longas

Aliás, foi durante esse longo período de reabilitação que começou a pintar, usando a caixa de tintas de seu pai e um cavalete adaptado à cama.

Frida-Kahlo
Debilitada, Frida Kahlo passava seus dias pintando em sua cama

Frida Kahlo se tornou uma pintora tão bem sucedida que expôs seu trabalho nos Estados Unidos e na França e foi a primeira latino-americana a vender um quadro por US$ 1 milhão. Inspirou muitos estilistas ao longo dos anos como Missoni (Primavera 2015), Valentino (Resort 2015), Alberta Ferreti (Verão 2014), Moschino (Verão 2012) e Kenzo (Inverno 2012), entre outros.

Frida Kahlo morreu em 1954, aos 47 anos. Seu corpo foi cremado, e suas cinzas encontram-se depositadas em uma urna em sua antiga casa, que funciona hoje Museu Frida Kahlo.

Museu Frida Kahlo
Museu Frida Kahlo

Seis décadas já se passaram desde a sua morte e até hoje suas obras servem de alento para o mundo todo. Prova disso é o lançamento do SPIRIT de uma linha de ventiladores com estampas inspiradas em suas telas.

Veja alguns modelos da nossa coleção Frida Kahlo:

Ventilador de Teto Spirit Frida Kahlo Caveira e Coração Branco

 

Ventilador de Teto Spirit Frida Kahlo Autorretrato Verde

 

 

Ventilador Spirit coleção Frida Kahlo

 

Ah, se você quer conhecer mais de suas obras, está em São Paulo a megaexposição “Frida Kahlo – conexões entre mulheres surrealistas no México”.

São 20 telas da artista expostas no Instituto Tomie Ohtake. O ingresso custa até R$ 10,00 – sendo que as terças-feiras a entrada é franca – e pode adquirido pelo site Ingresse, pelo aplicativo do Instituto Tomie Ohtake ou diretamente na bilheteria. Crianças até 10 anos não pagam.

A exposição fica até o dia 10 de Janeiro de 2016 e depois segue para o Rio de Janeiro e Brasília.

ONDE FICA:

Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88)
Pinheiros – São Paulo – SP

—————————————————————————————————————————————–

No Rio, a exposição chega dia 30 de Janeiro e fica até 27 de Março de 2016.

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Galerias 1, 2 e 3.

Endereço: Av. Almirante Barroso, 25 – Centro (Metrô: Estação Carioca).

Telefone: (21) 3980-3815.

Horário: de terça-feira a domingo, das 10:00h às 21:00h.

Valor: entrada franca mediante agendamento

Classificação indicativa: livre

⇒ As visitas poderão ser agendadas pelo site frida.ingresse.com. Cada visitante, a partir de seu CPF, poderá reservar até 4 senhas. A visitação será de terça a domingo, de 10h às 21h, com agendamentos para os seguintes períodos:

  • 10h às 12h (entrada até 12h)
  • 12h às 14h (entrada até 14h)
  • 14h às 16h (entrada até 16h)
  • 16h às 18h (entrada até 18h)
  • 18h às 20h (entrada até 20h)

A entrada do público agendado é organizada por ordem de chegada. A senha permite que o visitante entre na exposição ao logo do período agendado, não sendo necessário chegar no horário inicial.

As senhas também poderão ser retiradas, a partir do dia 30 de janeiro, na recepção da CAIXA Cultural, de terça a domingo das 10h às 20h.

Fontes e imagens: Wikipédia, Catraca Livre, Blog Studded Stories and Sequined Secrets, Blog da Cintia Abreu, The Red List, Bosques de Alim, Caixa Cultural
Não importa qual é seu estilo, o SPIRIT sempre tem uma estampa para decorar e refrescar suas ideias. Acesse nosso site e confira: myspirit.com.br.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 + = 20